• Gov RJ

Text Size

17/05/17 - Apoio financeiro movimenta economia na Baixada

Há mais de vinte anos o empreendedor Reginaldo Souza (lado direito da foto) e sua esposa, Cyrlei Souza, tocam o seu estabelecimento comercial no município de Duque de Caxias, Baixada. O espaço, que funcionava antes como um depósito de bebidas, passou por uma reforma e ampliação que o transformaram em um minimercado, onde são vendidos, além de bebidas, itens como alimentos, congelados e produtos de higiene. Há também uma máquina de xerox. A inauguração do mercadinho, que ocorreu no último sábado (13/05) contou com grande movimentação de clientes, segundo Reginaldo.

– Como era Dia das Mães, eu fiz um bolo e um sorteio de brindes. A loja ficou cheia. Agora para o Dia dos Namorados já estou bolando outra promoção – contou o empreendedor (ao lado direito na foto, posando com um clientes sorteados, ao lado esquerdo).

O upgrade do empreendimento foi realizado a partir do apoio financeiro da AgeRio, por meio da estratégia MEI Fidelização. Com o recurso, o negócio pôde ser equipado com gôndolas, ilha de congelamento, portas, entre outros equipamentos. Essa estratégia, de acordo com Reginaldo Souza, deve atrair mais clientes e assim gerar mais lucro.

– Esse negócio possui um histórico de duas contratações quitadas com a AgeRio desde 2014, demonstrando, ao longo do período de relacionamento, pontualidade no cumprimento das obrigações. Por isso foi enquadrado no MEI Fidelização – explicou a analista Milena Silva, que acompanhou a operação na Agência.

O mercadinho, chamado de Minimercado Regis, fica localizado na comunidade Mangueirinha, onde também há um mercado de maior porte que, portanto, é seu concorrente. Os empreendedores apostam na boa localização do espaço (próximo a uma rua movimentada) e no vínculo com os moradores e consumidores do local como formas de reter a clientela.

 – Nós moramos aqui há cinquenta anos e temos esse negócio há mais de vinte, então as pessoas que compram aqui são nossos amigos. Outra coisa: o empreendimento fica em frente ao ponto de ônibus, onde há um grande fluxo de pessoas – disse Reginaldo Souza.

AgeRio

Clientes da Agência desde 2014, os empreendedores Cirley e Reginaldo contam que conheceram a AgeRio através de uma reportagem de jornal sobre a história de um empreendimento financiado.

– Li os depoimentos e depois liguei para a AgeRio. De lá para cá já foram três créditos, e nosso negócio só cresce – afirmou o empreendedor.